Campanha Duvidosa: Duloren convida Bolsonaro para comercial


Visto no Clube Online

O mundo da publicidade inventa de tudo para chamar a atenção do consumidor. Desta vez, o fabricante de roupas íntimas Duloren resolveu polemizar e convidou o deputado federal Jair Bolsonaro (PP-RJ) para participar de um comercial de calcinhas ao lado da modelo transexual e ex-BBB Ariadna. De acordo com o jornal "O Globo", o deputado recusou a proposta, e depois de saber que a modelo seria trocada por uma mulher, não transexual, aceitou o convite e disse que o cachê será doado para uma instituição de caridade.

A campanha criada pela empresa quer abordar o "kit anti-homofobia", material didático proposto para professores utilizarem nas escolas. A distribuição foi vetada e Bolsonaro foi um dos deputados contrários ao kit. O comercial teria o seguinte slogan: "Esse kit eu aprovo", fazendo relação ao novo kit de calcinhas lançado pela empresa.

A posição da Duloren, em convidar o deputado, foi criticada por diversos artistas no Twitter. Pelo visto, a estratégia de alavancar a venda de roupas íntimas renderá um boicote à marca.

Comentários

  1. lamentável dar espaço pra uma pessoa que presta um desserviço.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Respeitamos opiniões contrárias às postagens contidas nesse site, mas solicitamos que evitem utilizar esse espaço para fazer propagandas, incluir conteúdos que não tenham vínculo com as postagens ou que visem agredir quem quer que seja. Obrigado!