Filme sobre padre homossexual é o grande vencedor do Festival de Cinema Gay de Berlim


Publicado pelo A Capa

O filme polonês "W Imie.. (Em Nome De)" ganhou o Teddy Awards de melhor filme gay do Festival Internacional de Cinema de Berlim.

O longa traz a história de um padre católico em conflito com a sua sexualidade. O filme, dirigido por Malgoska Szumowska, traz fortes interpretações de Andrzej Chyr no papel do padre e Kosciukiewicz Mateusz, como seu jovem e atraente affair.
 

Há mais de 25 anos que o Teddy Awards elege os melhres filmes LGBT do Festival de Berlim. Nesse ano, mais de 20 filmes de todo o mundo foram exibidos, incluindo o "Interior. Leather Bar", do ator e diretor James Franco.
 
O Teddy de Melhor Documentário foi para Bambi, do diretor Sébastien Lifshitz. O filme faz um retrato da trans Marie-Pierre Pruvot, nascida na Argélia e hoje com 77 anos. Marie é conhecida como Bambi na noite parisiense.
 
O prêmio de Melhor Curta-Metragem foi para outro filme trans, do diretor sueco Victor Lindgren. "Ta av mig" (Dispa-Me) mostra um encontro pós-bar entre uma recém-trans (Jana Bringlöv Ekspong) e um homem curioso (Björn Elgerd).
 
Um Teddy Award adicional foi dado ao projeto sul-africano "STEPS for the Future", que arrecada dinheiro para aumentar a conscientização em torno do preconceito com o HIV.
 
 

Comentários