05/03/2013

James Franco ataca censura contra filme gay: "é como nos conectamos"


Publicado pelo Terra
 
Aclamado em vários festivais no ano passado, I Want Your Love, de Travis Mathews, foi banido dos eventos Melbourne Queer Film Festival, Sydney's Queer Screen e Brisbane Queer Film Festival, após o filme ter a exibição proibida na Austrália. Apesar de não ter participado do longa, o ator James Franco publicou um vídeo de protesto contra a postura do Conselho de Classificação australiano. “É uma decepção para mim, é muito estúpido... Ele (Mathews) representou o sexo de uma forma sofisticada... É assim que criamos as crianças, é a forma como nos conectamos”, argumentou o norte-americano.


 
Após assistir a I Want Your Love – que retrata a história de amor de um casal homossexual de São Francisco, nos Estados Unidos -, Franco afirmou ter se inspirado a trabalhar com o diretor em seu filme posterior, Interior. Leather Bar. O ator, então, continuou a crítica: “manter a distância de filmes que querem explorar o sexo como comportamento humano é muito limitado. Eu não acho que nós estaríamos tendo esta conversa se ele ​​tivesse feito um filme muito violento. Os adultos devem ser capazes de escolher... Não sei como pode acontecer algo assim nestes tempos, nesta era... Está sendo banido. É simplesmente constrangedor. Espero que reconsiderem".
 
Trailer do filme:

 
Mathews, por sua vez, avaliou que os responsáveis pela censura nem chegaram a assistir ao filme. “Acho que o Conselho de Classificação australiano fez a decisão com base na sinopse, sem nem assistir ao filme, dizendo que é gratuito. Eu poderia argumentar contra, mas isso me parece uma armadilha. Esta é uma discussão maior sobre como os espectadores adultos devem ser capazes de fazer a sua própria escolha e opinião sobre isso", posicionou-se o diretor.
 
 

Nenhum comentário:

Marcador Em Destaques