18/03/2013

Madonna pede que Escoteiros revertam decisão de banir homossexuais

 
Publicado pela Rolling Stone
 
Madonna apareceu nos prêmios GLAAD Media, na noite do último sábado, 16, em Nova York, vestida de escoteira. No evento, ela clamou pelo fim da medida que bane homossexuais dos grupos de Escoteiros. "Eu acho que eles deveriam mudar essa regra idiota”, ela disse. As informações são da agência Associated Press.
 
A cantora, que não é nenhuma estranha às causas dos direitos dos homossexuais, brincou que ela quis se juntar aos Escoteiros, mas foi rejeitada. "Eu sei acender o fogo. Sei montar uma barraca", disse Madonna. "Eu consigo resgatar gatinhos das árvores e, o mais importante, sei procurar por garotos [um trocadilho com a palavra ‘scout’, que pode significar ‘procurar’].”
 
A proibição de integrantes gays nos Escoteiros tem atraído muitas críticas nos últimos anos. Carly Rae Jepsen e o Train recentemente disseram que cancelariam suas apresentações no evento National Scout Jamboree, em julho, a não ser que o grupo mudasse sua política.
 
Madonna, que estava lá para entregar um prêmio ao âncora da CNN Anderson Cooper, também disse: "Quando penso em jovens nos Estados Unidos que estão sendo torturados e sofrendo bullying, que estão se matando porque se sentem solitários e julgados, marginalizados e incompreendidos, eu tenho vontade de sentar e chorar um rio de lágrimas”, disse Madonna. "Não aguento mais isso. É por isso que quero começar uma revolução. Estamos em 2013, gente. Moramos nos Estados Unidos a terra dos livres e corajosos? Isso é uma pergunta, não uma declaração.”
 

 
 

Nenhum comentário:

Marcador Em Destaques