Médico na PB defende que homossexualidade é 'um defeito congênito' e condena casamento gay


Visto em Paraiba.com.br

Um médico paraibano escreveu um artigo no mínimo polêmico em um jornal da Capital nesta quinta (9). Tentando se eximir de ser taxado, já iniciando o texto afirmando não ser homofóbico, o médico diz que a homossexualidade é uma doença congênita e equipara-a a doenças renais ou cardíacas e aproveita para protestar contra o casamento gay.

"O verdadeiro casamento é uma união fecunda entre homem e mulher para a geração de filhos".

Confira o artigo na íntegra:


Comentários