11/05/2013

Revista faz campanha contra homofobia no mundo árabe

 
Publicado pelo Globo
 
TUNIS - Uma revista online está pedindo a internautas que se manifestem contra a homofobia no mundo árabe através de fotos postadas em sua página no Facebook. O objetivo da publicação “Aswat” é denunciar o preconceito contra a comunidade LGBT e o silêncio da mídia a respeito do assunto.
 
A campanha “Tudo por amor” vem sendo desenvolvida para coincidir com os eventos para o Dia Internacional contra a Homofobia, comemorado em 17 de maio. Seu objetivo é discutir, por meio das imagens, a discriminação na sociedade e as leis que em alguns países criminalizam relações homossexuais.
 
As fotos evitam mostrar rostos. Numa delas, uma pessoa segura um cartaz onde se lê: “A homofobia não tem religião. Sou muçulmano e sou contra a homofobia.” Outro pergunta: “Gay ou não, o que isso importa para você?” Além dos pôsteres em árabe, há ainda cartazes em inglês (“Lésbica, muçulmana e feliz”) e em francês (“Seja tolerante”). Outros, nem precisam de tradução.
 
- Queremos educar não apenas a comunidade árabe LGBT mas também alcançar outras pessoas, assim como quem pode ter ideias distorcidas sobre nós - disse Mahel al-Haj, ativista de direitos dos homossexuais que vive nos EUA, em entrevista à uma TV tunisiana. De acordo com a TV árabe al-Jazeera, a campanha recebeu adesão de internautas de Tunísia, Marrocos, Iêmen e Argélia.
 

Nenhum comentário:

Marcador Em Destaques