Tóquio recebe “semana arco-íris”


Publicado pelo Dezanove
 
Começou no último dia 27 de Abril e seguirá até o próximo dia 6 de Maio a inicativa “Tokyo Rainbow Week” . Esta semana arco-íris tem como objetivo apoiar a comunidade sexual minoritária do Japão, criar uma sociedade amigável, promover a aceitação e permitir que cada pessoa possa ser ela mesma e construir uma vida de felicidade e otimismo.
 
Ao longo destes dias pretende-se celebrar a cultura LGBT em Tóquio. São mais de 20 eventos e muita animação que ocorrem na “Pride Village” em Yoyogi Park, um dos maiores parques de Tóquio com um palco e diversos stands.
 
Nos stands estão empresas como o banco Barclays, Goldman Sachs, Google, IBM, Phillips e UBS. Estão ainda presentes vários países através das suas embaixadas em Tóquio, como por exemplo, Bélgica, França, Alemanha, Israel, Holanda, Suécia, Reino Unido e Estados Unidos da América, para promover o turismo LGBT e tentar convencer a comunidade LGBT a visitá-los. Não faltam ainda diversas organizações não-governamentais que partilham informações, produtos e serviços relacionados com a comunidade LGBT.
 

 
 
No domingo, dia 28, realizou-se a marcha designada por “Tokyo Rainbow Pride” (Orgulho Arco-Íris de Tóquio), pelas ruas do bairro comercial nipónico de Harajuku no Shibuya Ward.
 
A organização contabilizou a participação de cerca de 12 mil pessoas, no desfile que iniciou e terminou na “Pride Village”. O desfile caracterizou-se por ser bastante colorido, contou com carros alegóricos, drag queens (transformistas), go-go boys (strippers masculinos) e mulheres em biquíni.
 
O organizador do desfile, Shin-ya Yamagata, afirmou que o número de mulheres participantes aumentou e disse que “os participantes do desfile vieram de Tóquio, do Japão e do mundo”. Yamagata confidenciou ainda “passei por tantas experiências desafiadoras porque sou gay. Quero reduzir essa dor para a geração mais jovem, fazendo este desfile”.
 
Um dos patrocinadores do evento é a Alfa Romeo, que pela pessoa de Tiziana Alamprese, director de marketing da Fiat Chrysler no Japão declarou: “A nossa marca é muito especial e enfatiza a essência de cada pessoa ser ela mesma, ser única, ser todo o seu ser”, e acrescentou: “começou a promover diversas actividades para incentivar as pessoas a sairem do armário, porque não existe liberdade, a não ser a que cada pessoa descobre dentro de si; encontrando-se e tendo orgulho em si!”.
 
O casamento entre pessoas do mesmo ainda não tem legitimidade legal no Japão, país onde a homossexualidade ainda é considerada tabu. Contudo, e apesar de não ser reconhecido por lei, é possível realizar casamentos desde 2007 entre pessoas do mesmo sexo em Tóquio, no parque da Disney, devido às políticas desta empresa de animação.
 
 

Comentários