06/06/2013

Pesquisa indica que 3 de 4 americanos consideram casamento gay 'inevitável'

 
Publicado pelo Correio Braziliense
Com informações do FrancePress
 
Quase três de quatro americanos consideram a legalização do matrimônio entre pessoas do mesmo sexo algo "inevitável", independentemente de serem a favor ou contra, segundo uma pesquisa do instituto americano Pew publicada nesta quinta-feira.
 
A pesquisa foi realizada por telefone com 1.504 pessoas nos Estados Unidos durante os primeiros cinco dias de maio, um mês antes de a Suprema Corte dos Estados Unidos se pronunciar sobre o tema.
 
No total, 72% dos consultados acreditam que a legalização do casamento gay é "inevitável". E entre aqueles que se opõem ao matrimônio homossexual, 59% acreditam que esta mudança é "inevitável".
 
Quase nove em cada dez americanos conhece um gay ou uma lésbica (contra 6 de 10 em 1993). Dentro deste grupo, composto em sua maioria por mulheres e jovens urbanos pouco religiosos, um terço conhece homossexuais que criam filhos e dois terços apoiam o casamento gay.
 
"No entanto, a oposição ao matrimônio gay continua sendo grande", disseram os pesquisadores do Pew. Entre os americanos, 45% acreditam que o homossexualismo é um pecado (contra 55% em 2003).
 
Embora 51% dos americanos sejam a favor do casamento gay, 40% dos consultados disseram que é difícil, e 19% consideram muito difícil, aceitar ter um filho gay.
 
O matrimônio entre pessoas do mesmo sexo é legal em 12 estados do país e na capital federal, Washington. As constituições de 31 estados de 50, e em nível federal, definem o casamento como a união entre um homem e uma mulher.
 
O Pew publicou os resultados de sua pesquisa no site: www.pewcenter.org
 

Nenhum comentário:

Marcador Em Destaques