29/06/2013

Vazou: Viúvo de Emílio Santiago reclama herança na justiça em processo que corria em segredo

 
Publicado pelo ParouTudo
 
Se em vida Emílio Santiago nunca quis ser chamado de gay, agora, depois de morto, um processo movido pelo seu ex-companheiro não deixa nenhuma dúvida sobre sua homossexualidade.
 
O processo corre corria em segredo na 4ª Vara de Família do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, mas foi descoberto pelo colunista Léo Dias, do jornal “O Dia”.
 
O professor da UERJ Marcio Tadeu Ribeiro Francisco alega ter sido parceiro conjugal do cantor por um tempo aproximado de 18 anos e reclama herança, pedindo que esse tempo juntos seja considerado união estável.
 
Segundo a coluna, o cantor, que faleceu em março por causa de um AVC, possuía imóveis em diversos Estados brasileiros, um apartamento em Nova York, carros e joias.
 
As cantoras Alcione e Leny Andrade são testemunhas da relação no processo, mas se recusaram a falar com a reportagem sobre o assunto.
 
 

Nenhum comentário:

Marcador Em Destaques