26/07/2013

Forbes pede desculpas por dizer que presidente da Irlanda é gay

 
Publicado pelo O Globo
 
A revista "Forbes" pediu desculpas ao presidente da Irlanda por dizer que ele é gay em um artigo on line. A empresa de mídia com sede em Nova York postou o artigo em seu site na quarta-feira e substituiu-o com um pedido de desculpas aos leitores e, indiretamente, ao presidente Michael D. Higgins.
 
"Forbes estará emitindo um pedido de desculpas ao presidente Higgins em uma correspondência separada", disse a editora. Higgins, que tem uma esposa e quatro filhos, não ofereceu nenhuma resposta imediata.
 
O artigo, publicado terça-feira pelo blogueiro baseado na Irlanda David Monagan chamou Higgins de um "homossexual reconhecido". Depois Monagan pediu desculpas pelo que descreveu como o pior erro que já fez.
 
Higgins, um poeta e intelectual que apoia os direitos dos homossexuais, foi eleito presidente da Irlanda em 2011. Um candidato que derrotado, o senador David Norris, é o principal defensor da Irlanda para os direitos dos homossexuais e é abertamente assumido sobre sua homossexualidade.
 

Nenhum comentário:

Marcador Em Destaques