23/09/2013

Neil Patrick Harris: Ele se assumiu gay e não perdeu o posto de galã

 
Publicado pelo iGay
 
Quando pisou no palco do Nokia Theater, na noite deste domingo (22), o ator Neil Patrick Harris , 40, deu mais um passo em sua ascendente carreira. E não foi um passo qualquer. Já que apresentar o prêmio dos melhores da TV americana, o Emmy, é uma honra destinada a poucos em Hollywood.
 
Aliás, foi no próprio Emmy em que Neil corajosamente assumiu seu relacionamento com o então noivo David Burtka no tapete vermelho do prêmio, em 2007. Um ano antes, o ator havia saído do armário em uma entrevista à revista People. "Estou feliz por dissipar os rumores e os equívocos, estou muito orgulhoso em poder dizer que sou um homem gay muito feliz, que vive sua vida plenamente”, declarou ele, na ocasião.
 
 
Na época em que o ator se assumiu, especulações nos bastidores da indústria do entretenimento nos EUA colocaram em dúvida a possibilidade de Neil continuar mantendo a veracidade do papel de garanhão mulherengo na série “How I Met Your Mother” depois de se revelar gay.
 
O tempo mostrou que as especulações eram infundadas. Neil manteve com competência o papel de Barney Stinson na série, que está no ar até hoje, somando nove temporadas. O conquistador inveterado Barney é certamente um dos responsáveis por essa longevidade do programa, que estreou em 2005.
 
A carreira dele nas telas começou cedo. Aos 15 anos, ele estrelou ao lado de Whoopi Goldberg o filme “Clara's Heart”, em 1988. No ano seguinte, aos 16, o ator ganhou a sua própria série, “Doogie Howser, M.D.” , na qual vivia o personagem-título, um adolescente precoce que trabalhava como médico. O seriado, que no Brasil levou o nome de "Tal Pai, Tal Filho", teve quatro temporadas.
 
Depois de muitos papéis na TV, no cinema e também nos palcos, Neil estreou com sucesso em 2009 como apresentador do Tony Awards, a premiação que celebra os melhores espetáculos da Broadway. Ele continua comandando o prêmio até hoje.
 
O Emmy desse domingo foi o segundo que Neil apresentou, o primeiro foi em 2009. Ele próprio já venceu a premiação, como melhor ator convidado por uma participação na série “Glee”, em 2010.
 
Como um bom casal de lésbicas
 
No recém-lançado documentário da HBO “The Out List” , o ator e apresentador contou como conheceu o marido David, em 2004. “Um dia, eu estava andando em uma rua de Nova York com uma amiga e vi um conhecido dela, parecendo James Dean, todo estiloso. Falei que ele era um gato, mas minha amiga disse: ‘Esquece, o David não é gay. Só que nós dois começamos nos encontrar logo depois. E como um bom casal de lésbicas, fomos morar juntos depois de três meses. Nunca mais nos separamos”, revelou o ator e apresentador.
 
 
 
Neil e David têm um casal de filhos gêmeos de dois anos, Harper Grace e Gideon Scott. Eles nasceram em 2010, por meio de uma de inseminação artificial numa barriga de aluguel.
 
O casamento civil de Neil e David deve acontecer em breve, como eles revelaram recentemente. O casal acaba de comprar uma mansão no bairro do Harlem, em Nova York, por R$ 8 milhões.
 

Nenhum comentário:

Marcador Em Destaques