20/12/2013

Ex-campeão olímpico assume ser gay antes de ir a Jogos da Rússia

 
Publicado pelo Terra
 
O ex-patinador artístico americano Brian Boitano anunciou nesta quinta-feira que é gay, dias após ser nomeado integrante da delegação dos Estados Unidos que irá aos Jogos Olímpicos de Inverno em Sochi, em janeiro próximo.
 
"Ser homossexual é apenas parte de quem sou", disse Boitano, que conquistou a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Calgary-1988 e até o momento se negava a comentar sua orientação sexual em público.
 
"Antes de mais nada, sou um atleta americano e tenho orgulho de viver em um país que promove a diversidade, a abertura e a tolerância".
 
 
Boitano está entre os delegados que formarão a equipe dos Estados Unidos nos Jogos de Sochi, nomeados pelo presidente americano, Barack Obama, na terça-feira passada. A lenda do tênis, Billie Jean King, que também é gay, integrará a delegação.
 
A inclusão de delegados que reconhecem sua homossexualidade é interpretada como uma mensagem à Rússia, que adota leis restritivas contra os homossexuais.
 
Boitano admitiu que a indicação para representar os Estados Unidos em Sochi motivou sua declaração, mas destacou que o esporte é que deve dominar as atenções sobre os Jogos Olímpicos.
 
"Como atleta, espero que possamos permanecer centrados no espírito olímpico que celebra os sucessos no esporte de pessoas de todas as nações".
 
Natural da Califórnia, Boitano foi campeão mundial de patinação artística em 1986 e 1988.
 
 

Nenhum comentário:

Marcador Em Destaques