06/12/2013

Pastor afirma que masturbação é uma forma de homossexualidade

 
Publicado pelo DM
 
O pastor Mark Drscool (41), líder de uma igreja de Seatle, cidade localizada no estado norte-americano de Washington, escreveu no quinto capítulo do livro "Porn-Again Christian" que a masturbação masculina é uma forma de homossexualidade por não haver contato com mulher. “Principalmente quando o masturbador olha para um espelho, excitando-se com o seu próprio corpo", diz um trecho da publicação.
 
Ainda segundo os critérios do religioso, a prática deixa de ser considerada um ato homossexual, quando o marido se masturba na presença de sua esposa e, não com a participação direta dela.
 
Para ele, também não é comportamento homossexual quando um marido estiver distante geograficamente da mulher, em viagem, por exemplo, e se masturbar utilizando uma foto da companheira para se excitar. Ainda conforme Mark, se a foto for de outra pessoa, se configura uma traição.
 
O livro é apresentado como um “debate franco para os homens de Deus sobre a pornografia e masturbação”. A proposta do livro, segundo o autor, é expor argumentos “práticos e teológicos” para que o cristão evite esse ato.
 
Nas redes sociais, o líder religioso acabou virando motivo de piada entre os internautas porque, pela analise feita por ele, quase a totalidade dos homens é gay.
 
 

Nenhum comentário:

Marcador Em Destaques