Adolecente gay é devolvido por pais adotivos por “ter problemas demais”

 
Publicado pela revista Lado A
 
O caso de um garoto de 14 anos, adotado quando bebê, que foi devolvido ao lar de adoção depois que os pais descobriram que ele era homossexual, na Itália, abriu uma grande discussão no país. Os pais, ao invés de promoverem uma rede de suporte ao filho depois que ele passou a sofrer bullying na escola, resolveram devolver a criança afirmando que ele “tinha problemas demais e que não estavam aptos a lidar”.
 
O caso aconteceu em uma pequena cidade e é mantido em sigilo. Apelidado de Lucca, a história do menino foi contada pela colunista Marida Lombardo, do jornal Il Menssaggero e repercutiu imediatamente. A mídia do país detonou a atitude dos pais e gerou comoção no público. A notícia reabriu a discussão da adoção gay no país que aos poucos caminha em decisões na Justiça, apesar do conservadorismo da maioria da população católica.
 
Veja a publicação no site de origem: clique aqui!

Comentários