21/03/2014

Jared Leto queria receber o Oscar vestido como sua personagem transexual

 
Publicado pelo UOL
 
Por pouco o ator e cantor Jared Leto não recebeu seu Oscar vestido como uma drag queen. Vencedor na categoria ator coadjuvante, por retratar uma transexual com aids em "Clube de Compras Dallas", Leto disse que cogitou subir no palco as roupas femininas de sua personagem Rayon por saber que "ela teria gostado de estar lá", disse ao jornal britânico "London Evening Standard".
 
Atualmente em turnê com sua banda 30 Seconds to Mars, Jared afirmou que sua atitude reticente em torno do brilho e glamour de Hollywood mudou após ganhar a estatueta.
 
"Eu nunca diria: 'Não dou a mínima para o Oscar' porque não é totalmente verdade", explicou. "Não é sobre o brilhante homem de ouro nu, ou o tapinha nas costas, é sobre ser capaz de ficar em um cenário mundial por dois minutos na frente de um bilhão de pessoas e dizer algo significativo, importante para você."
 
Ao receber o Oscar, Jared dedicou o prêmio aos "36 milhões de pessoas lá fora que perderam a batalha para a Aids. Para aqueles que sentiram injustiça por causa de quem vocês amam e quem vocês são, eu estou aqui com vocês e por vocês."
 
 
Na pele de Rayon, Jared afirmou ter aprendido a dar mais respeito às mulheres. "É muito trabalhoso para as garotas se arrumarem", brincou. "Eu fui criado por minha mãe, então eu sempre valorizei as mulheres. Mas agora eu tenho mais respeito pelo processo", afirmou.
 
Veja postagem no site da UOL: clique aqui!

Nenhum comentário:

Marcador Em Destaques