06/05/2014

É nossa obrigação como cidadãos, diz Raimundos sobre defesa de casal gay em SC


Publicado pelo G1 

Após um casal de adolescentes gays ser abordado por dois seguranças enquanto se beijava durante um show dos Raimundos em Jaraguá do Sul, no Norte de Santa Catarina, a banda se pronunciou sobre o episódio nesta segunda-feira (5). Em comunicado oficial, o grupo disse que "levanta a bandeira do respeito". 

"Nós cumprimos somente com a nossa obrigação como cidadãos em meio ao debate mundial acerca de todas as formas de preconceito. É inaceitável que situações como essa ainda aconteçam. É dever de todos lutar contra toda e qualquer forma de intolerância e discriminação a qualquer pessoa, independente da sua cor, religião, orientação sexual, classe social, etc", declarou a banda, no comunicado.

 O fato ocorreu no início da madrugada de sábado (3) em uma casa de shows da cidade. Na ocasião, o vocalista dos Raimundos, ao saber do ocorrido com os adolescentes, parou a apresentação da banda e convidou o casal para subir no palco e se beijar.
   

Adolescente disse que não houve repressão do público 

O estudante da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) que foi abordado pelos seguranças durante o show, enquanto beijava o par, disse que não foi expulso e nem houve repressão por parte do público. Ele contou que os seguranças o separaram do rapaz que beijava e levaram os dois para um local próximo à saída. 

"Na hora que a gente voltou, todo mundo começou a aplaudir. Mas como ficamos muito abalados, fomos embora porque não tinha mais clima para ficar na festa", contou o adolescente. Ele declarou que um boletim de ocorrência foi registrado na Delegacia de Polícia de Jaraguá do Sul.

O proprietário do Club The Way, Thiago Mattos, afirmou que os rapazes foram repreendidos, mas não expulsos. De acordo com ele, a informação que foi passada pelo segurança-chefe foi que ninguém foi expulso ou agredido. 

"O segurança disse que os dois estavam exagerando na 'pegação', não apenas se beijando, e que ele pediu aos dois que 'maneirassem', dessem uma circulada. Não temos preconceito algum. Pode ser homem com homem, mulher com mulher, desde que sejam mantidos o respeito e a decência", contou. O jovem negou e disse que foi apenas um beijo, "sem qualquer exagero". 

Ainda no sábado (3), foi postado no perfil oficial dos Raimundos em uma rede social o comentário: "Aprendam! Respeitem as diferenças! Todos somos seres humanos. Ser diferente é normal!". A nota divulgada pelos Raimundos nesta segunda (5) foi assinada pelos músicos Digão, Canisso, Marquim e Caio, além de toda a equipe da banca. 

Veja postagem direto no G1 : CLIQUE AQUI!

Nenhum comentário:

Marcador Em Destaques