05/06/2014

Peça é cancelada após protagonista brigar com espectador que gritava insultos homofóbicos


Publicado pelo O Globo

A máxima diz que o show deve continuar. A menos que o protagonista de um espetáculo abandone o personagem em pleno palco e pule na plateia para brigar com um espectador bêbado. Então a peça é cancelada. Durante uma apresentação de uma montagem de "Gata em teto de zinco quente" em Los Angeles, na semana passada, o ator John Lacy enfrentou um homem visivelmente alcoolizado, que atrapalhava a sessão.De acordo com testemunhas, o homem gritava sempre que a personagem Maggie aparecia no palco e disparou insultos a outros atores, que conseguiram manter o espetáculo, até que os impropérios se tornaram homofóbicos. Quando Brick, um personagem gay oprimido interpretado por Anton Troy, rejeita Maggie em uma cena, o sujeito gritou: "porque ele é um viado!".

Foi quando Lacy, no papel de Harvey "Paizão" Pollitt, se exaltou. "Brick tentou continuar, e ele disse isso de novo. Eu apenas respondi: 'O que você disse, filho da p***?'. E eu passei pela porta cenográfica do palco, tirei meu colete, cheguei até a plateia, enquanto ele olhava orgulhosamente para mim com um sorriso idiota na cara. Então eu o empurrei e ele estava bêbado, caindo facilmente. Ali eu percebi que eu tinha feito melhor do que começar a socá-lo, eu provei meu ponto e silenciei o desordeiro", disse o ator, segundo o noticiado pelo "Gawker". "Felizmente, um dos espectadores era Tim Sullivan, um cineasta imenso, que por acaso é gay e não estava nada feliz com o que estava acontecendo, estendeu a mão, pegou o cara pela gola da camisa e o levou para fora do teatro", descreveu o ator, que já atuou em filmes com "Zodíaco" e fez pequenas participações em séries como "Psych", "Grey's anatomy" e "House".

Embora os atores tenham retomado suas posições e terminado o espetáculo, Lacy foi sumariamente demitido e Troy saiu do elenco em solidariedade. Com os dois atores principais afastados, a peça teve sua temporada encerrada precocemente.

Veja direto no O Globo

Nenhum comentário:

Marcador Em Destaques