29/10/2014

22º Festival Mix Brasil promete rica programação LGBT em novembro



Com o objetivo de exaltar a cultura LGBT, quebrar tabus e propagar a diversidade, chega à 22ª edição o Festival Mix Brasil de Cultura da Diversidade, que desembarca na capital paulista entre 13 e 23 de novembro. A programação conta com diversas manifestações artísticas, como cinema, teatro, música, dança e muito mais, e pode ser conferida no CCSP, no Cinesesc, Espaço Itaú de Cinema – Augusta e sessões ao ar livre. O preço dos ingressos varia de acordo com dia e local.

Um dos destaques da programação é o longa inédito "Algo a Romper" ("Something Must Break", Suécia, 2014), de Ester Martin Bergsmark, premiado em diversos festivais internacionais. O filme conta a história da batalha pelo amor entre dois jovens, sendo um deles Sebastian, andrógino, e Andreas, que não é gay.


Dentre os destaques do Panorama Internacional, seção dedicada à exibição de novas produções estrangeiras, está o documentário português "E Agora? Lembra-me", de Joaquim Pinto. Convivendo com o HIV e a hepatite C há quase 20 anos, o diretor Joaquim Pinto documenta sua experiência por clínicas clandestinas onde, durante um ano, fez uso de drogas ainda não aprovadas para o tratamento do vírus.



Já no Circuito Nacional, o filme "Favela Gay", de Rodrigo Felha, vale a pena ser conferido. O longa revela como é a vida dos LGBT's nas comunidades de favelas cariocas, abordando questões como homofobia, preconceito, aceitação no trabalho e na família e muito mais.



A programação completa será divulgada em breve.

Veja direto no Catraca Livre

Nenhum comentário:

Marcador Em Destaques