27/06/2015

Oi!? Casal cristão ameaça se divorciar na Austrália em protesto contra a aprovação do casamento gay


Visto no Portugal Gay

Um casal australiano ameaçou publicamente entrar com pedido de divórcio caso o casamento entre pessoas do mesmo sexo seja aprovado no país. Dizem que a culpa é dos homossexuais. Eles são Nick e Sarah Jensen, casados há dez anos e autointitulados cristãos convictos. “Casamos aos 21 anos e sempre fomos apaixonados” diz Nick, afirmando que Sarah é a única mulher que ele sempre amou, a mãe para os seus filhos e sua ligação perfeita”.

Em artigo publicado no Citynews Camberra, ele afirmou que é possível que se divorcie de Sarah não porque seu casamento esteja em crise, mas por outro motivo. “Como cristãos, nós acreditamos que o casamento não é uma invenção humana, mas parte da ordem fundamental da criação, parte da história íntima de Deus. Por isso, nós dois, em sã consciência, recusamos que o governo abra o acesso a este ritual que é o casamento a pessoas do mesmo sexo. Como não queremos estar associados a esta nova redefinição do casamento, a mudança pode nos levar ao divórcio", diz.

O casal está consciente de que vai ser rotulado de intolerante por não querer partilhar a experiência, mas eles dizem que nada disso tem a ver, pois para eles o casamento é algo muito importante.

“Chegamos a um ponto em que não podemos fazer mais nada, mas sabemos que não estamos sozinhos”, afirma. 

Apesar desta afirmação, os comentários à notícia mostraram o contrário, pois pelo menos simpatia o casal não conseguiu entre os leitores. “Não posso acreditar que exista alguém tão estranho e egoísta na nossa sociedade”, diz um dos comentários. “Isto é realmente sério? É a coisa mais ignorante que li nos últimos tempos”, disse outro. “Eles vão deixar de fazer uma coisa porque as pessoas homossexuais também poderão fazê-lo? Como então decidem continuar a respirar?”, questiona mais um. 

Nenhum comentário:

Marcador Em Destaques