Vocalista do Passion Pit confirma homossexualidade


Visto no Vagalume

Michael Angelakos, vocalista da banda indie Passion Pit, surpreendeu seus seguidores nesta segunda-feira (9) com a revelação de que é gay. A saída pública do armário aconteceu durante uma longa e sincera conversa do músico com Bret Easton Ellis, escritor, roteirista e que atualmente apresenta um podcast com seu nome.

"Eu contei para poucas pessoas do meu círculo pois não sei como falar sobre isso, sabe? Falar com você - já falamos disso antes - quando alguém te entende e entende o que você faz, isso te desarma um pouco e você pode ser você mesmo, pois não tem que defender seu trabalho. É esse o tipo de situação que todo artista quer estar", declarou o músico. 


"Eu apenas decidi que seria melhor falar sobre isso aqui. Não sei o que aconteceu, mas é uma daquelas sensações que vem de dentro. A mesma sensação quando eu pensei: 'Ok. Eu preciso falar com as pessoas sobre o fato de que sou. Sou gay. E é isso", acrescentou.

Michael também comentou como foi o processo de se assumir para sua agora ex-esposa, a estilista Kirsty Mucci. "Eu só queria muito ser hétero, pois eu a amo muito. Acho que isso foi a coisa mais dolorosa quando decidimos nos separar. Quando decidi lidar com isso de frente, que acho que foi em junho, ela foi a pessoa que me mostrou o caminho. Ela disse: 'Você precisa descobrir o que está acontecendo com sua sexualidade pois não pode continuar se odiando", revelou o músico.


Em janeiro deste ano, a voz de "Pay No Mind (Feat. Passion Pit)" também revelou sofrer de transtorno bipolar e inclusive participou de uma campanha para a entidade "Bring Change 2 Mind", encabeçada pela atriz Glenn Close, para conscientizar sobre transtornos mentais.

Confira as letras, traduções e muito mais do Passion Pit no Vagalume.

Comentários